Quem Somos

Venho de uma família “viciada”em viajar.

Minha tia Sonia, que hoje teria 99 anos, rodou o mundo e dizia ter rodinhas nos pés.
Meus pais começaram a viajar numa época em que isso demandava uma logística bastante complicada.
Foram à Russia, ou melhor, URSS, quando esta era de uma comunismo feroz.
Foram para o Japão em uma época em que todas as mulheres usavam quimonos e comer peixe crú era para nós brasileiros muito estranho.
Foram à Índia onde havia tantas vacas perambulando pelas ruas que uma delas atraída pela bolsa tiracolo de minha mãe a levantou do chão com um dos chifres e com o outro arrebatou a bolsa! E  como recuperá-la já que a vaca é sagrada e não se pode tocar nela?!?
Cresci ouvindo minha mãe contar a estória do Taj Mahal, mausoléu de mármore branquíssimo e incrustado de pedras preciosas, construído pelo “rei” para a sua adorada “rainha” que morrera no parto.

Estas estórias despertaram em mim uma curiosidade enorme em conhecer o mundo.
Aprendi que uma boa viagem começa muito antes dela acontecer e requer estudo e muita pesquisa. É fundamental ter o máximo de informações sobre o destino antes de embarcar. Cada passageiro tem demandas particulares e nem sempre o que é bom para uma pessoa serve para outra. Por isso não gosto de viagens “pasteurizadas” por agências de turismo que por melhor que sejam nem sempre entendem e atingem às suas expectativas. Prefiro os roteiros personalizados que levam em consideração as preferências individuais.

Pensando nisso resolvi criar o grupo Trip Tips, onde todos os membros podem  trocar informações e experiencias sobre viagens, o site Trip Tips para armazenar as melhores dicas dadas e o Instagram #triptipsviagens com fotos dos lugares incríveis pelo mundo afora.

Silvana Ticoulat

Nos envie uma mensagem