BlogVariedades

Medicina do Viajante

Posted

Li aqui no grupo Trip Tips algumas dicas de viajantes que estiveram na Índia, Ásia, Africa sobre Saúde do Viajante.

Foi assim que soube que havia no Rio e SP o serviço do médico do viajante oferecido gratuitamente pela rede pública de saúde.

A URFJ foi a precursora desse programa que depois se propagou para SP, Pará, Paraná, etc …

Ontem fiz uma consulta com a chefe do Departamento de Doenças Infecciosas e Parasitárias da Faculdade de Medicina da UFRJ e fiquei muito bem impressionada com o serviço oferecido.

Foi no núcleo instalado na Urca, dentro da unidade da UFRJ, onde recebi informações sobre cuidados com alimentos, água, vacinas necessárias (acredite, são muitas!), repelente adequado, impregnador de tecidos para roupas, profilaxia para diarreia, entre tantos. Foram 2 horas, sem custo, com conteúdo e cuidados preciosos para quem é marinheiro de primeira viagem, no meu caso, para Índia e Nepal.

Outro núcleo no Rio é na Fundação Oswaldo Cruz.

Coisas boas em nosso país quase não são divulgadas e esse é um trabalho sério que divido com vocês para que mais pessoas se beneficiem.

Para marcar pelo núcleo da UFRJ, no Rio de Janeiro, é por meio de email para: agenda@civis.ufrj.br

Em São Paulo o atendimento é feito no Hospital Emilio Ribas
Horário de Atendimento:
3ª a 5ª feiras das 8h às 17h; 6ª feiras das 8 às 11:00

As consultas são agendadas previamente pelo e-mail agendamento@emilioribas.sp.gov.br
de segunda à sexta-feira. Os agendamentos por e-mail serão respondidos com as informações necessárias para o dia da consulta.

Recomendam-se vacinas que, em sua maioria, são aplicadas no Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais – CRIE do próprio Instituto.

Vacina da febre amarela

Para os pacientes que necessitem do Certificado Internacional de Vacinação da Febre Amarela (CIVP) deverá antecipadamente acessar o site da Anvisa para realizar seu pré cadastro, necessário para a emissão da CIVP. www.anvisa.gov.br/viajante. Não fazemos troca de certificados de vacina emitidos em outros serviços. Para esta finalidade, recomendamos dirigir-se a algum posto da ANVISA localizados nos aeroportos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *